Seguidores

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Pequenos poemas

Vinhas
com as mãos a abarrotar
de estrelas
e eu te esperava
com o orvalho da noite
e o alvorecer das rosas
…urgentemente
Luiza Caetano 



O regato

Como um regato
a abrir passagem
pelas fendas cobertas de musgo
também eu, tranquilamente
me torno claro e transparente.

 (Ryokan)